MULTIUSO 25

Queria ganhar um presente,

Bem bonito no Natal passado.

Um sapato bem novinho,

O que eu tinha estava todo furado.

(…)

No dia seguinte levantei correndo,

Fui ver o que Papai Noel tinha deixado.

Para minha surpresa não encontrei o novo,

E o velho sapato tinha sido roubado.

O PRESENTE QUE NÃO VEIO (Guilherme Cardoso)

 

pela norma “culta” atual, seria “de que o mundo precisa“, né, leitor? Mas, publicidade é dia a dia …E, quando toca (como essa), Raul

FILOSOFIA DE PARACHOQUE DE CAMINHÃO

Do lindo filme À BEIRA DO CAMINHO (veja MULTIUSO 24)

POESIA 

Eu queria trazer-te uns versos muito lindos.

Trago-te estas mãos vazias

Que vão tomando a forma do seio…

OFERENDA (Mário Quintana)

os 02 primeiros belíssimos quadros vieram de http://paulorita.tumblr.com/post/109408748365 (infelizmente, não consegui identificar o autor); as 03 delicadíssimas figuras seguintes, de http://andarilho-nsfw.blogspot.com.br/https://br.pinterest.com/search/pins/?rs=ac&len=2&q=bailarinas%20fotografia&eq=bailarinas%20fotogra&etslf=NaN&term_meta[]=bailarinas%7Cautocomplete%7Cundefined&term_meta[]=fotografia%7Cautocomplete%7Cundefined; as 3ª, 4ª, 5ª e 6ª  são A Origem do Mundo (Gustave Coubert), Madona (Edvard Munch) e Abaporu (Tarsila do Amaral); as 7ª e 8a vieram dos Faces de Grace Bulcão e André Luiz. Já as 03 últimas pinturas não têm autores conhecidos. Você aproveitaria o clima de Natal e adotaria alguma, leitor?

Mais ARTE em MULTIUSO 24 e demais.

                      <><><><><><><><><><><><><><><><><><>><><>

seta gira…De tudo o que há no mundo … tem na feira de Caruaru… (Onildo Almeida/Luiz Gonzaga).

                      <><><><><><><><><><><><><><><><><><>><><>

NATUREZA MORTA 

Fonte: http://www.josephphibbs.com/

SE A CHAPA TÁ ESQUENTANDO…

FAÇA JUSTIÇA COM AS PRÓPRIAS MÃOS: PLANTE UMA ÁRVORE

fonte: http://www.coisaspraver.com/2012/05/natureza-erotica.html e http://forum.intonses.com.br/viewtopic.php?f=35&t=3650

ETERNAS PIXAÇÕES

**

O JAPÃO É UM PAÍS PAUPÉRRIMO, COM VOCAÇÃO PARA A RIQUEZA. NÓS SOMOS UM PAÍS RIQUÍSSIMO, COM VOCAÇÃO PARA A POBREZA…” (Tom Jobim)

“CONSIDERO O MÁXIMO DE HABILIDADE POLÍTICO-ECONÔMICA A DESSES CARAS QUE SE LOCUPLETAM NO CAPITALISMO, ENTRANDO PELA ESQUERDA” (Millor Fernades)

Fontes: MEU REINO POR UM CAVALO 2: CITAÇÕES, AFORISMOS E FRASES CÉLEBRES; Edição, seleção e projeto, Ivan Mchado, LPM, 2016 e ELA É CARIOCA: UMA ENCICLOPÉDIA DE IPANEMA. Ruy Castro, SP, Companhia das Letras, 1999.

Veja, também, MULTIUSO 24 

AMORAL DA HISTÓRIA 1

É ou não o lucro o germe da democracia (veja O DILEMA DE TEREZA CRISTINA, STALIN, MAO, FIDEL (e ERENICE), MINISTRA ELIANA CALMON E AS RAZÕES DO ILUMINISMO, MÍDIA NINJA…), leitor? Ô bicho danado o capitalismo, né? “Conservador”, que só ele! Por esse trechinho de ELA É CARIOCA: UMA ENCICLOPÉDIA DE IPANEMA (fl. 267), aliás, dá pra ver o quanto a esquerda já povoou o mundo, né?

Tá vendo essa capa de 21 de janeiro de 1970? Eu vi essa revista, na RUF, em 1977 (se você pesquisar RUF aí ao lado, vai aparecer é coisa!). Ela (a revista) é quase toda pipocada por personagens da esquerda, inclusive os ministros da então não bolivariana Bolívia chefiada pelo general Ovando Candia, falando em “revolução profunda” e “Marxismo como instrumento de interpretação da realidade”

… o que, aliás, já havia gerado a morte do “Dr. Ramon“…

BLACK IS BEAUTIFULL OU NÃO, MEU DEUS?

“Hoje cedo, na rua Do Ouvidor
Quantos brancos horríveis eu vi
Eu quero um homem de cor
Um deus negro do Congo ou daqui

Que se integre no meu sangue europeu

Black is beautifull, black is beautifull
Black beauty so peaceful
I wanna a black I wanna a beautifull…”

É forte essa letra, leitor? E a interpretação? Elis canta como uma negra, né? É racista? É (com o sinal trocado), assim como as curtidas piadas contra loura! Sim, eu sei: de “baixo” para “cima” pode, já que o que se ataca é uma terrível gravidade secular, não a pessoa. Sim, a atriz poderia ser uma Taís de Araújo (por exemplo), apesar da importante perda de contraste entre o produto e a sua pele. E fico a me perguntar: o que diriam certos ativistas se a mesma indústria contratasse a bela Taís para um comercial de papel higiênico branco igualmente vip?

Sim: black is beautifull, mas nem sempre!

Tanto não é que não nos ofendemos, por exemplo, com a escola pública que nos mantém escravos!

NAQUELE “ANO QUE NÃO ACABOU” (1968), SURGIU O PRIMEIRO MOTEL NO BRASIL… OXI, POR QUE NÃO NO ANO SEGUINTE?

‘…Em plena ditadura militar (…) uma lei proibia hospedagens de curta permanência, inviabilizando a utilização dos hotéis para os encontros amorosos na época. “Naquele tempo eles impediam que se usasse o quarto menos de 24 horas (…) tinha que ficar 24 horas no quarto. Quando o casal saia antes, a polícia o abordava, perguntando se iam embora. Se falassem que iam, eles levavam para a delegacia, e eles ficavam presos por até 15 dias, por ato libidinoso”, se lembra Pepe… – o fundador do primeiro motel, em S. Paulo . Como a lei é antinatural, né, leitor?

‘…Para driblar a lei da época, Pepe – que já trabalhava com hotéis em São Paulo – foi buscar inspiração nos clubes americanos. “Os motéis nos Estados Unidos são mais voltados para o descanso de viagens. Aqui nós desvirtuamos”…

fonte: http://g1.globo.com/sp/mogi-das-cruzes-suzano/noticia/2014/11/primeiro-motel-do-brasil-fingia-ser-clube-para-despistar-ditadura-militar.html

E ainda há quem se queixe do tal “jeitinho brasileiro“, né? Se bem que,  no outdoor paraibano acima (veja MULTIUSO8), bem que poderia estar escrito: “É LAGOSTA“, que foi o que o motel, quis dizer, né? Bem, quanto ao “ANO QUE NÃO ACABOU“…

Muito dessa galera que pregou até outro dia já está em ILUSÕES PERDIDAS, QUANTA DIFERENÇA!CONTRA UM MUNDO MELHORARQUITETOS DO PODERESQUERDA CAVIAR (introdução), NAVEGAR É PRECISO, ÊTA MUNDO BOM: DIRCEU, A BIOGRAFIA – parte 1, parte 2, parte 3, , parte 5 e em quase todo multiuso. Mas, que tal um rápido selinho?

Fl. 07 (14a edição):

não devemos servir de exemplo a ninguém. Mas podemos servir de lição” (Mário de Andrade) …

Legal, né, leitor? Depois do PT, então…

Fl. 31:

” …Discurso, ação, pensamento, ruptura… mágica da revolução…“. Sacou, né?

Fl. 37:

“…camadas arcaicas na consciência de velhos revolucionários…“. Lembro da vez em que uma militante de “Viração” (stalinista) discursou, aos prantos, contra as rivais de “Liberdade e Luta (trotikista):

“…não estamos aqui pra isso (…) não é por isso que se luta…”

Já era 1979, mas foi um choro demorado e sentido contra aqueles rápidos e nem tão adolescentes seios nus…Veja, leitor, que o tempo da inocência não acabou em 1968, como se diz em algum lugar desse livro.  Acabou mesmo foi com a vinda à tona do real “socialismo” após a morte por falência múltipla dos órgãos da antiga URSS (veja AMORAL DA HISTÓRIA, A VINGANÇA DE MARX, STALIN, MAO, FIDEL (e ERENICE), VIDEOGRAMAS DE UMA REVOLUÇÃO, CISNES SELVAGENS, VOCABULÁRIO DE IDEIAS PASSADAS, 1994, IDÉIAS PARA UMA ALTERNATIVA DE ESQUERDA, O DILEMA DE TEREZA CRISTINA, TUDO PODE DAR CERTO?, MULTIUSO 22…) e, no nosso caso, após o PT.

Fl. 48:

“És um senhor tão bonito
Quanto a cara do meu filho
Tempo Tempo Tempo Tempo
Vou te fazer um pedido
Tempo Tempo Tempo Tempo…”

Fl. 72:

Ainda encontrei uma Ufba falastrona (mítica, digamos. E linda) assim, leitor (veja POR QUE VIREI À DIREITA (o livro. Ou quase), MULTIUSO 21 …). Nas palestras do prof. de Economia Marco (ou Marcos) Antônio, aliás, só não se previa o dia e a hora exatos em que  o danado do capitalismo ruiria, por aqui, embora já oficialmente reinstaurado na China “Comunista” e, não declaradamente, na Hungria. Mas, em São Lázaro (FFCH/UFBA), de onde se saia ainda mais crente, sim…

Ai do capitalismo, coitado, se não fossem as suas então tão apontadas “próprias contradições”…! Que outro sistema foi mais  humano, isto é, parecido com o ser humano, leitor? E quanto mais criticado, melhor, né (veja AMORAL DA HISTÓRIAUM OUTRO MUNDO É POSSÍVEL.COM DIN-DIN…MULTIUSO 24 …)?

Fl. 162

Esse Millor tem cada uma, hein (veja MULTIUSO14AMORAL DA HISTÓRIA, MEU PEDACINHO DE CHÃO, MULTIUSO 24)?  Aliás, foi ele quem, “sem noção”, chegou a dizer que “quando ficam velhas e obsoletas, as ideias veem morar no Brasil”, não foi?

Sim, foi uma linda “AVENTURA DE UMA GERAÇÃO” (como expresso na capa), que tinha de tudo, né? Aventura essa, aliás, que terminou (espero) com o MAIS FAMOSO MENSALÃO , o PETROLÃO e o IMPEACHEMENT de Dilma.

Pena  não haver mais uma boa miragem pela qual se falar, escrever, cantar, filmar, encenar, fumar, beber (ganhar dinheiro) ou dançar, né? A não ser, claro, que fechem motel…

Veja também DISCURSO PARA QUEM TEM MAIS DE 05 ANOS DE IDADE, para quem tem mais de 05 anos de idade e COME “H”, PARA QUEM TEM MAIS DE 05 ANOS DE IDADE E NÃO COME “H”

OXI: ENTÃO UM OUTRO MUNDO COM DIN-DIN JÁ FOI POSSÍVEL, ANTES?

Na fl. 154 da biografia da Miss Universo/1968, a soteropolitana Martha Vasconcelos [Roberto Macedo; Martha Vasconcelos- A Rainha da Beleza Universal; Coleção Gente da Bahia, Edições Assembleia Legislativa da Bahia, 2014] consta que o salário mínimo, em junho/69, era NCr$129,60 (menos de cento e trinta cruzeiros novos) ou quase R$900,00 (novecentos reais), em valores de 2014… E atualmente? R$ 937,00 (novecentos e trinta e sete reais! Êta! Então, no auge dos anos de chumbo, o poder aquisitivo do mínimo era o mesmo do período, digamos, mais iluminado da nossa história?

Calma, leitor? Naquela época, uma máquina de escrever portátil equivalia a R$2700 (dois mil e setecentos reais) atuais, e a máquina de lavar mais barata, quase R$4.500,00 (quatro mil e quinhentos)… Como a indústria produzia para poucos, um par de sapato de cromo podia chegar a R$680,00 (seiscentos e oitenta reais), segundo a mesma fonte, e uma TV a lenha poderia custar mais do os olhos da cara… Isso quer dizer que…? Precisa-se de muito mais capitalismo, isto é: varejo, consumo, mercado, dinheiro circulando… E, portanto, de uma escola pública como a da China, Japão, Coreia do Norte ou até a do Chile… Concorda, leitor?

Ou a China (“comunista” na política, mas capitalista na economia) não virou o bicho em menos de 50 anos? Já o Brasil… Aliás, em 1989, a produção econômica brasileira, embora CAPITALISTA e “SELVAGEM”, perdia até para a do então “não capitalistaLeste Europeu… É mole? Veja:

Fonte secundária: Veja, 05abri1989.

Viu por que o “socialismo” não aguentaria a parada, ainda que,  por dentro, fosse um amor, leitor (veja ÉTICA NÃO É IDEOLOGIA)? Ora, por que a China (o Partido) trocaria o sistema (chamando de volta o danado do capitalismo) muito antes de a URSS desabar? Entendeu, agora, a expressão “negício da China” (veja CISNES SELVAGENS), né? Tudo bem que Fidel e o PCdoB (por exemplo) a chamaram de “revisionista”, coitada, mas…

Veja-se, aliás, que, enquanto a galera daqui (incluindo a “academia”) megafoneava o “socialismo” e por ele pegava em arma, a do Leste já dava marcha ré, até OFICIALMENTE, antes Queda do Muro, em 1989! E curtia, viu?:

Embora, nem sempre:

Fonte: Veja, 05abr1989 e 21jan1970. Tudo bem que a Veja “mente“, né, leitor? Mas, que foi uma pena um mundo tão divertido acabar, foi, concorda?

SIM: UM OUTRO MUNDO SEMPRE SERÁ POSSÍVEL (COM ESCOLA, TRABALHO E VERGONHA NA CARA)!

Por que não foi assim, no “socialismo “, leitor? Veja STALIN, MAO, FIDEL (e ERENICE), NADA É TUDO,  ELOGIO DA SERENIDADE E OUTROS ESCRITOS MORAIS, VIDEOGRAMAS DE UMA REVOLUÇÃO, VOCABULÁRIO DE IDEIAS PASSADAS, CISNES SELVAGENS, MINISTRA ELIANA CALMON E AS RAZÕES DO ILUMINISMO, POR QUE VIREI À DIREITA , CONTRA UM MUNDO MELHOR, A VINGANÇA DE MARX, A RIQUEZA E A POBREZA DAS NAÇÕES

Mas, não esqueça: DINAMARCAS só são possíveis com economia de mercado+ escola pública que gere gente exigente de si própria +  judiciário que castre ladrão de dinheiro público + trabalho e  vergonha! Aliás, (e)leitor, por que será que, após treze anos de partido “DOS TRABALHADORES”, a escola pública brasileira de nível médio para baixo (a do povão) ainda é o que é? A de classe média pra cima (a Ufba, o colégio Militar) ainda são bons, né?  Por que se preferiu torrar bilhões em JOGOS PANAMERICANOS, COPA E OLIMPÍADAS (hj tudo abandonado) e não em ESCOLA e DEMAIS INFRAESTRUTURAS?

“ABAIXO A MÍDIA CONSERVADORA, FAMILIAR A E GOLPISTA”

É claro que esta foto é da imprensa “golpista”, leitor [veja O DEVER DE INSULTAR (Cartas de um Terráqueo ao Planeta Brasil))], mas a de cima é do “centro do mundo“, abaixo… interessante, ne? http://www.diariodocentrodomundo.com.br/joao-roberto-marinho-sondou-lula-para-ser-candidato-em-2014-diz-haddad-em-ensaio-sobre-sua-vida-e-carreira/

MACHADIANAS

… peço aos deuses (também creio nos deuses) que afastem do Brasil o sistema republicano, porque esse dia seria o do nascimento da mais insolente aristocracia que o sol jamais alumiou” (Machado de Assis, 5 de março de 1867, citado por Roberto Pompeu de Toledo em “MACHADIANAS” – Veja, 09nov17.

ANTES DA “POS-VERDADE” 1

Fonte: Veja, 04out17

Veja ÊTA MUNDO BOM: DIRCEU, A BIOGRAFIA, ÊTA MUNDO BOM: DIRCEU, A BIOGRAFIA – parte 2!, ÊTA MUNDO BOM: DIRCEU, A BIOGRAFIA – parte 3!, , ÊTA MUNDO BOM: DIRCEU, A BIOGRAFIA – parte 5!

ANTES DA “POS-VERDADE 2”

É IMPERDOÁVEL sim, Lenine! Eu sou de um tempo em que o ladrão, o corrupto, o escroto, o chefe de quadrilha era odiado (quem foi petista sabe), e a corrupção era o “o câncer que destruía o estado e o país“). De um tempo em que nos orgulhávamos de fazer campanha e votar no PT, então o “partido da ética” [veja  POR QUE VIREI À DIREITA (o livro. Ou quase)]. Mas, agora, nos tempos da “pós-verdade” (da verdade relativa), não há mais corrupção que foda o país (a não ser a do passado)! Vão tomar no cu, sacanas!

Ora, no poder, a tal esquerda chamou o capital e disse: “aqui está o ESTADO. Eu tenho o povo, que farei ainda mais idiota; a galera que ganha dinheiro com bordão e slogan (sindicato, universidade, etc); e o olhar contemplativo da imprensa e do mundo. Eu quero dinheiro, inclusive pra manter o esquema por tempo indeterminado. Vamos fazer negócio?

Ou não foi?

A pilhagem iniciada pelo PT e continuada pela sua “base” (Temer) NÃO foi obra do tradicional malandro de amedrontado, não. FOI (É) POLÍTICA DE ESTADO…

Isso aí é Veja, viu, Leitor?

REPÚBLICA DE CURITIBA EM PORTUGAL?

Sim, leitor: a Lavajato brasileira é um sucesso além-mar. Em Portugal, o ex-primeiro ministro  José Sócrates, há muito já está preso (veja A REGRA DO JOGO) e, no Peru, o militar de “esquerda” que se elegeu presidente na embalagem de “o Lula peruano“,

também (veja https://brasil.elpais.com/brasil/2017/07/14/internacional/1500001602_001817.html). Já aqui… Que deus proteja e ilumine com di-din a boa alma que ensinou à PF o caminho do AP de Gedel, viu? Ou você que, sem aquela imagem, não já tinham detonado a Operação?

Ah, sim:

Nessa entrevista, o autor de A SENGUE FRIO ressalta que há “várias semelhanças” entre os esquemas nos dois lados do Atlântico, a começar pelo fato de terem sido praticados por “grandes empresários e políticos“, lamentando que “duas democracias maduras foram totalmente incapazes de diagnosticar precocemente fraudes tão gigantescas“…

Primeira pergunta: Foi por ideologia que se deu parceria entre os petistas brasileiros e osViu que o cara de lá tá preso, sem nem ser julgado, leitor? Êta, será que tão perseguindo? Parece que lá também tem suas “vitima”, viu?:

fonte: Veja, 25out/17

Veja, também: DISCURSO PARA QUEM TEM MAIS DE 05 ANOS DE IDADE, para quem tem mais de 05 anos de idade e COME “H”, PARA QUEM TEM MAIS DE 05 ANOS DE IDADE E NÃO COME “H”

NÃO HÁ REPÚBLICA SEM HOMENS HONESTOS

 Texto de Sebastião Nery

“…Roberto D’Ávila com seu talento e competência profissional, entrevistando Lula, na Globo News, tentou tirar leite das pedras, extrair alguma luz de uma cabeça de bagre. A entrevista foi um descalabro. Uma aula torta de como mentir. Podia ter encerrado a conversa relendo relatório da Polícia Federal, publicado na “Folha de S. Paulo” que lista as 15 empresas da família Lula.

O Brasil teve durante 300 anos uma família imperial. Agora sabe-se que tem uma “família empresarial”, que fez o milagre de chegar a São Paulo carregando uma trouxa e meio século depois ser proprietária destas 15 empresas (nome das empresas)

1 – O ex-ministro e professor João Sayad da USP confirma:

“A Democracia ameaça a República se for dominada pela demagogia, por eleitores mal informados. Não há república sem homens virtuosos: honestos defensores do interesse público e corajosos. A República pode se tornar tirania. República e democracia procuram um equilíbrio delicado. A República vai mal. Falta virtude. Como tornar os homens públicos virtuosos? Deveriam ler os clássicos – Cícero, Catão, Platão, Aristóteles. Só assim homens virtuosos poderiam se candidatar sem ter que jantar escondido com financiadores de currículo duvidosos”. (Valor Econômico)

2 – Professor e diretor do Instituto de Políticas Públicas da UNESP, Marco Aurélio Nogueira:

 “A política ficou submetida ao mercado e a representação perdeu substância. A fragmentação e a falta de operacionalidade do sistema político fazem com que a democracia, em alguns países, fique bloqueada e, em outros, passe a ser alimentada por doses expressivas de corrupção e ilicitude. Neste ambiente, os governos e a classe política pioram dramaticamente seu desempenho e deixam suas comunidades sem muitas saídas.” (O Estado de São Paulo)

O PT nasceu para ajudar a iluminar a vida política da Nação. Mas só fez apagar a luz. O Brasil jamais havia descido a um nível político tão invertebrado…”

na íntegra: http://sebastiaonery.com/2017/10/nao-ha-republica-sem-homens-honestos/

Veja ÉTICA NÃO É IDEOLOGIA

AMORAL DA HISTÓRIA 2

Tá tudo bem até aí, leitor? Continuando:

Ah, leitor!!! Eu vi essa galera de perto!!! Foi o que, aliás, gerou a este blog… Veja: o blog, GRILAGEM x APAGÃO MORAL, TEMPERATURA MÁXIMA!!, FERVIDOS E MAL PAGOS?, CABA NÃO, MUNDÃO, PARTIDO DA CLEPTOMANIA DO BRASIL II, O QUE É ISSO COMPANHEIRO II, A VERDADE, NADA MAIS DO QUE A VERDADE III …(infelizmente, ordem judicial me impede de  lhe mostrar mais)

A VENEZUELA PETISTA 

Mais Venezuela em ANTES DE “O QUE É ISSO COMPANHEIRO II”, EM DEFESA DOS BLACK BLOCS, HONESTIDADES CRETINAS, VOZES DO DESERTOMEU PEDACINHO DE CHÃO, O PETRÓLEO É NOSSO, MAS A IMPRENSA, NÃO!, ACORDA BRASIL II, JANAÍNA PASCHOAL E HÉLIO BICUDO:O SHOW, DESENTALANDO (comício de tudo)!, CRISTÓVÃO BUARQUE, A PERVERSÃO DA DEMOCRACIA E OUTRAS “MENTIRAS” DA “IMPRENSA BURGUESA”, TROPA DE ELITE: REINALDO, PADILHA E ANINHA, ÊTA MUNDO BOM! (DIRCEU, A BIOGRAFIA – parte 2), TEMER E O PT NO CENTRO DO RODAVIVA, PARA QUEM TEM MAIS DE 05 ANOS DE IDADE E NÃO COME “H”, O QUE A VEJA TEM QUE ELES NÃO GOSTAM?

UM PAÍS INVIÁVEL” (J.R. GUZZO)

…É simples. O Brasil de hoje é governado como uma usina de reprocessar lixo. Entra lixo de um lado, sai lixo do outro. O que mais poderia sair? Entre a porta de entrada, que é aberta nas eleições, e a porta de saída, quando se muda de governo, o produto fica com outra aparência, altera o nome, recebe nova embalagem ─ mas continua sendo lixo. Reprocessou-se o governo do ex-presidente Lula; deu no governo Dilma Rousseff; reprocessou-se o governo Dilma; deu no governo Michel Temer. Não houve, de 2003 para cá, troca no material processado pela usina. Não houve alternância de poder, e isso inclui o finado governo Temer. Continuou igual, nos três, a compostagem de políticos “do ramo”, empreiteiras de obras públicas, escroques de todas as especialidades, fornecedores do governo, parasitas ideológicos, empresários declarados “campeões nacionais” por Lula, por Dilma e pelos cofres do BNDES. É esse baixo mundo que governa o Brasil.

Michel Temer, na verdade, faz parte integral da herança que Lula deixou para os brasileiros. Tanto quanto Dilma Rousseff, é pura criação do ex-presidente ─ só chegou lá porque o PT o colocou na Vice-Presidência”

Texto de 27 maio 2017.

http://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/j-r-guzzo-um-pais-inviavel/

Veja, também: PARABÉNS, VEJA!, AMORAL DA HISTÓRIA,  PARABÉNS, VEJA 2, UM OUTRO MUNDO É POSSÍVEL (“VEJA MENTE”), UM OUTRO MUNDO É POSSÍVEL (VEJA MENTE II), GILBERTO CARVALHO EM UM OUTRO MUNDO É POSSÍVEL, VEJA “MENTE” III, O QUE A VEJA TEM QUE ELES NÃO GOSTAM?

UM VELHO TEXTO SOBRE CUBA 1

“… Na crônica da semana passada, tentei, pela milésima vez, aderir ao comunismo. Usei todos os chavões que conhecia para justificar o projeto cubano. Não deu certo. Depois de 11 dias na ilha de Fidel Castro, entreguei de novo os pontos (…)

Não fiquei trancando no mundo cinco estrelas do hotel Habana Libre. Fui para a rua. Vi, ouvi e me estarreci. Em 42 anos, Fidel construiu o inferno ao alcance de todos. Em Cuba, até os médicos são miseráveis (…) ‘Cuba tem 11 milhões de habitantes e 5 milhões de policiais’. Um policial pode ganhar até quatro vezes mais do que um médico, cujo salário anda em torno de 15 dólares mensais. José, professor de História, e Marcela, sua companheira, moram num cortiço, no Centro de Havana, com mais dez pessoas (em outros chega a 30). Não há mais água encanada. Calorosos e necessitados de tudo, querem ser ouvidos. José tem o dom da síntese: ‘Cuba é uma prisão, um cárcere especial. Aqui já se nasce prisioneiro. E a pena é perpétua. Não podemos viajar e somos vigiados em permanência. Tenho uma vida tripla: nas aulas, minto para os alunos. Faço a apologia da revolução. Fora, sei que vivo um pesadelo. Alívio é arranjar dólares com turistas’. José e Marcela, Ariel e Julia, Paco e Adelaida, entre tantos com quem falamos,pedem tudo: sabão, roupas, livros, dinheiro, papel higiênico, absorventes.

Como não podem entrar sozinhos nos hotéis de luxo que dominam Havana, quando convidados por turistas, não perdem tempo: enchem os bolsos de envelopes de açúcar. O sistema de livreta, pelo qual os cubanos recebem do governo uma espécie de cesta básica, garante comida para uma semana. Depois, cada um que se vire. Carne é um produto impensável.

(…) Culpa do embargo norte-americano? Resultado da queda do Leste Europeu? José não vacila: ‘se Cuba é uma ditadura, isso nada tem a ver com o bloqueio’. Cuba tem quatro classes sociais: os altos funcionários do Estado, confortavelmente instalados em Miramar; os militares e os policiais; os empregados de hotel (que recebem gorjetas em dólar); e o povo. ‘Para ter um emprego num hotel é preciso ser filho de papai, ser protegido de um grande, ter influência’, explica Ricardo, engenheiro que virou mecânico e gostaria de ser mensageiro nos hotéis luxuosos de redes internacionais.

(…) Pergunto por que não se rebelam, não protestam, não matam Fidel? Explicam que foram educados para o medo, vivem num Estado totalitário, não têm um líder de oposição e não saberiam atacar com pedras, à moda palestina. Prometem, no embalo das piadas, substituir todas as fotos de Che Guevara espalhadas pela ilha por uma minha se eu assassinar Fidel para eles.

(…) Resumem: ‘Cuba é uma ditadura’. Peço demonstrações: ‘Aqui não existem eleições. A democracia participativa, direta, popular, é um fachada para a manipulação. Não temos campanhas eleitorais, só temos um partido, um jornal, dois canais de televisão, de propaganda, e, se fizéssemos um discurso em praça pública para criticar o governo, seríamos presos na hora’.

(…) O partido indica o candidato a delegado de um distrito; cabe aos moradores do lugar confirmá-lo; a partir daí, o povo não interfere em mais nada. Os delegados confirmam os deputados; estes, o Conselho de Estado; que consagra Fidel’.Mas e a educação e a saúde para todos? Ariel explica: ‘Temos alfabetização e profissionalização para todos, não educação. Somos formados para ler a versão oficial, não para a liberdade.

A educação só existe para a consciência crítica, à qual não temos direito. O sistema de saúde é bom e garante que vivamos mais tempo para a submissão’. José mostra-me as prostitutas, dá os preços e diz que ninguém as condena:’Estão ajudando as famílias a sobreviver’. Por uma de 15 anos, estudante e bonita, 80 dólares. Quatro velhas negras olham uma televisão em preto e branco, cuja imagem não se fixa. Tentam ver ‘Força de um Desejo’. Uma delas justifica: ‘Só temos a macumba (santería) e as novelas como alento. Fidel já nos tirou tudo.Tomara que nos deixe as novelas brasileiras’…’

Clique para ler o texto na origem e sobre o autor (jornalista, acadêmico, quase 30 livros publicados e homem de esquerda): http://www.correiodopovo.com.br/blogs/juremirmachado/2012/11/3418/lembrancas-de-minha-primeira-viagem-a-cuba/

Veja, também: ELE É SOCIALISTA? 

UM VELHO TEXTO SOBRE CUBA 2

OUTRO POEMINHA

As minhas pétalas não são mais como as de uma flor.

Hoje, apenas ventilam a dor

 HÉLICE

Luiz Estrela

Veja poemas/contos/crônicas

Anúncios
Esse post foi publicado em machadodeachismo, oxigênio, resenha. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s