MULTIUSO7

Estou numa fase “mãezona” (rsrsrsr), verdade… Estou muito feliz com o momento da vida da minha filha e fico morrendo de saudades do tempo que passou e que sempre achamos que não curtimos o suficiente. Aproveitem cada minuto pq é muito rápido. Estou repassando o texto abaixo, não sei se é do Saramago mesmo. Se não, certamente é de algum sábio. 

bjo, Grace

aviso aos navegantes: infelzimente, o momento não está me permitindo ler cosia boa. Mas, neste final de semana, vou abrir todos os e-mails. Abraços, obrigado. Vem MULTIUSO8 aí. Grace, bj.

FILHOS SÃO DO MUNDO

Devemos criar os filhos para o mundo. Torná-los autônomos, libertos, até
de nossas ordens. A partir de certa idade, só valem conselhos.

Especialistas ensinaram-nos a acreditar que só esta postura torna adulto
aquele bebê que um dia levamos na barriga. E a maioria de nós pais
acredita e tenta fazer isso. O que não nos impede de sofrer quando fazem
escolhas diferentes daquelas que gostaríamos ou quando eles próprios
sofrem pelas escolhas que recomendamos.

Então, filho é um ser que nos emprestaram para um curso intensivo de
como amar alguém além de nós mesmos, de como mudar nossos piores
defeitos para darmos os melhores exemplos e de aprendermos a ter
coragem. Isto mesmo! Ser pai ou mãe é o maior ato de coragem que alguém
pode ter, porque é se expor a todo tipo de dor, principalmente da
incerteza de estar agindo corretamente e do medo de perder algo tão
amado.

Perder? Como? Não é nosso, recordam-se? Foi apenas um empréstimo! Então,
de quem são nossos filhos? Eu acredito que são de Deus, mas com respeito
aos ateus digamos que são deles próprios, donos de suas vidas, porém, um
tempo precisaram ser dependentes dos pais para crescerem, biológica,
sociológica, psicológica e emocionalmente.

E o meu sentimento, a minha dedicação, o meu investimento? Não deveriam
retornar em sorrisos, orgulho, netos e amparo na velhice? Pensar assim é
entender os filhos como nossos e eles, não se esqueçam, são do mundo!
Volto para casa ao fim do plantão, início de férias, mais tempo para os
fllhos, olho meus pequenos pimpolhos e penso como seria bom se não
fossem apenas empréstimo! Mas é. Eles são do mundo. O problema é que meu coração já é deles.

É a mais concreta realidade. Só resta a nós, mães e pais, rezar e
aproveitar todos os momentos possíveis ao lado das nossas ‘crias’, que
mesmo sendo ‘emprestadas’ são a maior parte de nós!!!

“A vida é breve, mas cabe nela muito mais do que somos capazes de viver”
José Saramago

Agora, veja este vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=gf3R_6KDf00

Veja, também:

OS FILHOS (Afonso R. de Santana, em MULTIUSO 3)

A MENINA QUE NASCEU NA PÁSCOA (Marina Gentile, em MULTIUSO 2)

PÉS (MULTIUSO 3)

A VIAGEM

HISTÓRIA DA BONDADE: PROFESSOR CID TEIXEIRA

PRA FRENTE BAHIA

O hospital Martagão Gesteira declara que a Prefeitura de Salvador há dois meses não recebe uma dívida de R$ 2 milhões e o hospital corre o risco de fechar este mês e 700 crianças ficarão sem tratamento, mas para o carnaval nos bairros da Barra-Ondina foram gastos sem titubear R$ 60 milhões  pelos gestores municipal e estadual.O carnaval é prioritário, a saúde não.VOCÊ GOSTA DE CARNAVAL? OS DONOS DE BLOCOS E CAMAROTES GOSTAM MUITO MAIS (dê uma olhadinha em http://www.jornaldametropole.com.br/pdf/jornaldametropole_PDF_11032011.pdf:)

CARNAVAL DO APARTHEID

Faturamento de um camarote de carnaval: R$ 14,4 milhões.

Taxa que paga à prefeitura: R$ 10,58.

Ser empresário de bloco ou camarote no Carnaval na Bahia, não tem preço!
Números reveladores do Carnaval da Bahia, foram publicados na Revista da Metrópole desta sexta (TUDO FORA PATROCÍNIOS!):
O bloco Camaleão fatura, sozinho, apenas com a venda de abadás, R$ 6,65 milhões. O Me Abraça fatura R$ 5,4 milhões. O Corujas fatura 4,94 milhões. Tudo isso em apenas três dias. Já os camarotes faturam assim:
O do Reino, R$ 7,2 milhões; Nana Banana, R$ 6,2 milhões; Camarote Salvador, R$ 14,4 milhões. Mas,  sabe quanto um empresário paga de taxa à Prefeitura para montar um camarote no circuito do Carnaval? Uma fortuna:R$ 10,58 de taxa inicial e mais 42,34 por metro quadrado. Ou seja: os empresários não bancam, nem de longe, o custo da festa. Então, quem banca? O Governo do Estado e a prefeitura investem  R$ 30 milhões para colocar polícia na rua, realizar a limpeza, montar e desmontar toda infra-estrutura, pagar equipes de saúde, etc, etc, etc. Lembre, porém: o dinheiro do Governo do Estado e da Prefeitura sai do seu bolso. E considerando que pesquisa divulgada recentemente no A Tarde constatou que 76% da população de Salvador não pula carnaval, e mesmo os 24% que  pulam ficam espremidos entre tapumes e cordas de blocos, bancar essa festa imensa com dinheiro público fica mais injusto ainda.
Tá na hora dessa conta mudar de mãos: quem fatura com o Carnaval é que tem que bancar a festa. Eu gostaria muito de saber  a opinião dos que criticam o Bolsa Família como uma “esmola que deixa o povo dependente do governo” para saber o que  eles acham dessa “superesmola” que dá lucro absurdo a empresas e mais empresas no carnaval, às custas dos investimentos públicos.
Em tempo: a Daniela Mercury ficou revoltada com a Prefeitura porque não atenderam ao seu pedido de elevar a altura dos fios da rede eletrica; segundo ela, o seu novo trio ficou um pouco mais alto o que colocaria sua vida em risco; o custo desse pedido, só no circuito da Barra seria de mais de 3 milhões de reais; já comprou seu abadá do próximo carnaval? Não? Então corra que está acabando!

enviado por Edvane Gomes

PÉROLAS

Sonhos carregam pedras

enquanto descansam.

Como o sapateiro,

tornam brilhante um sapato sujo.

        Luiz Estrela

PÉROLAS DE UMA OSTRA FELIZ II

Sonhos

… são as religiões individuais. As religiões são os sonhos coletivos…

A inteligência

… testa as ideias para saber se elas são dignas de crédito …

Adesivo

…Deus é joia. O resto é bijuteria…

Altares

…Há muitos deuses, cada um com a cara e o coração daquele que o tem dentro do peito … Não sei se acredito em Deus. Mas sei que sou um construtor de altares…

O avô

… as pessoas que falam sobre Deus o tempo todo são como as crianças que não brincam com o brinquedo e ficam bajulando o avô…

A ordem dos Cata-lixo

… mais importante do que construir igrejas é catar lixo … as penitências poderiam ser transformadas… : uma mentira, um saco de lixo. Infidelidade: dez sacos de lixo. Um xingamento: cinco sacos de lixo. Corrupção: o corrupto iria dentro do saco de lixo e teria de viver por um ano no lixão, na companhia dos urubus, seus colegas…

Perdão

 … como perdoar  … os homens públicos que se enriquecem à custa do dinheiro do povo… ? Quem perdoa tudo não se importa com nada…

Solidão fundamental

 … foi um óvulo neste estado de espera angustiosa que disse pela primeira vez: ‘to be or not to be, that is the question’. O óvulo, produto das mulheres, tem sua origem na solidão. Já os espermatozóides têm suas origens na maratona … São corredores… O prêmio para o segundo colocado é a morte. Não seria por caso que os homens gostam tanto de futebol … Os espermatozoides também querem fazer gol. Só um consegue…

 Os cegos e o elefante

… o domador parou o elefante e os cegos se aproximaram.Um deles foi pela traseira, agarrou o rabo do elefante: “quem diria que um elefante é como uma corda…

O segundo foi pelo lado, abraçou uma perna e ficou encantado: “coisa nenhuma.  É como uma palmeira…”

O terceiro apalpou o lado do elefante … : “vocês estão loucos … o elefante é como um muro muito alto…

O quarto passou as mãos nas orelhas do elefante …: “vocês não são cegos só dos olhos … são também da cabeça… O elefante é como uma ventarola…”

E o último segurou a tromba e ficou encantado: “… doidos, doidos… o elefante  é como uma cobra enorme…

Começaram a brigar. Separam-se. E cada um deles formou uma seita religiosa …

 Saúde mental

 … As pessoas ajustadas são indispensáveis para fazer a máquina funcionar. Mas só as pessoas desajustadas pensam outros mundos. A criatividade vem do desajustamento. Imagine que nossa sociedade é louca. As evidências dizem que sim. Estar ajustado a essa sociedade é estar ajustado à sua loucura. Então há um tipo de ‘saúde mental’ que é uma manifestação de loucura … Desajustados são os que verdadeiramente têm saúde mental…

1968: AO VIVO E A CORES (clique nas imagens)

Já pensou entrar em contato direto com o final dos anos 60 e todos os anos 70? Ganhei de presente os últimos 40 anos da revista Veja .  Da capa à contra-capa.  Uma maravilha!  Já li a nº 01 (setembro/1968) e me deliciei com as reportagens do famoso maio francês, em que as velhas estruturas do ocidente eram contestadas, e a redescoberta do “mercado”, a grita por liberdade e o iê, iê,iê eletrizavam o Leste europeu… Claro: deu em nova invasão (URSS). Como diz Élio Gaspari em a DITADURA ESCANCARADA, duas grandes rodas giravam ao mesmo tempo e em sentido contrário, naquela grande época: a da liberdade e a da repressão. Os dois polos (URSS e USA) se incumbiam da última. E cada sociedade ou setor,  da primeira

Até agora, pouca coisa sobre a mítica era de ouro dos festivais no Brasil e quase nada sobre o mundo divino que eram os gramados brasileiros. Mas as promessas são fortes.  Ah, velho Gonzagão… que bom! (obrigado, Edvane):

veja, também: VIDEOGRAMAS DE UMA REVOLUÇÃO

1968: A VOLTA DO REI DO BAIÃO

 

Admite? Huumm! Melhor seria DESTACA! Notou no time de novos talentos da MPB? Console-se comigo: eu também soube depois, infelzimente.

TUDO O QUE É SÓLIDO DESMANCHA NO AR

Cai a primeira farsa: MPF pede o ARQUIVAMENTO  da investigação contra o  EDITOR DESTE BLOG.  O Judiciário aceitou o pedido.  Parabéns, Chefe!  Ainda hoje

 

 

 PÉROLAS DE UMA OSTRA FELIZ

Ruberm Alves

Novo slogan político

queremos mentiras novas…  Rubem Alves conta que este pedido esteve num muro da Universidade de Porto/Portugal.

Democracia

… uma sociedade democrática entre os lobos é possível porque existe equilíbrio de poder entre os lobos. … uma sociedade democrática entre cordeiros é possível porque existe equilíbrio de poder entre os cordeiros. Mas não é possível uma sociedade democrática entre lobos e cordeiros. Os lobos sempre devorarão os cordeiros

Livros

…brinquedos para o pensamento…

Ler

… lendo fazemos turismo sem sair do lugar…

Inspiração

…é um pássaro que pousa no ombro, sem que o tivéssemos procurado, e apenas nos espantamos com a sua beleza (o autor não pergunta, mas seria por isso que  Clarice Lispector dizia-se surpreender-se com o que escrevia?  Pobre do autor que não se surpreenda consigo mesmo: engaiola o pássaro; repete slogan)

Falatório

…não há amor que resista ao falatório (…) não existe amor que sobreviva só de sentimentos, sem conversa mansa

Homens

…seres que perderam a confiança dos pássaros.

Pensar

…o pensamento acontece quando as ideias adquirem vida, saem das prateleiras,  põem-se a dançar e fazem amor umas com as outras, produzindo ideias não pensadas anteriormente…

Teoria da relatividade

…os portugueses se horrorizaram ao saber que os índios matavam as pessoas e as comiam. Os índios, ao saberem que os portugueses matavam e não comiam…

Essencial

…escolher o essencial…é caminhar com uma mochila leve. A riqueza, ao contrário, é caminhar arrastando muitas malas … sem alça… (o autor não pergunta, mas seria o caso da política?)

Literatura

… o que torna a conchinha importante não é o seu tamanho, mas o fato de alguém a catar da areia e a mostrar para quem não a viu…

Claridade

…um aforismo é um relâmpago: brevíssimo ilumina os céus…

 Aristóteles

…pensa como um sábio, mas fala como uma pessoa comum!

Quem duvida?

…o apaixonado sofre menos com a morte da pessoa amada do que com a sua partida para um novo amor

Realismo socialista

… horror total, pintura sem sombras…  (já a realidade…)

Ipês

…mini-vulcões em erupções de alegria…

Cada um dá o que tem

… conta-se que , durante a Segunda Guerra Mundial,  entre a Alemanha e a Suíça, os nazistas resolveram dar um presente aos suíços. Enviaram-lhes uma caixa própria pra presentes. Quando os guardas suíços a abriram, estava cheia de cocô alemão. Os suíços retribuíram. Quando os alemães abriram a caixa, depararam-se com um lindo queijo suíço. Enorme, perfumado e um bilhetinho: continuemos a nos presentear com que temos de melhor

A professora

… ela fazia o seguinte: assentava-se numa cadeira bem no meio da sala, num lugar onde todos os alunos a veriam, e ia desabotoando a blusa até o estômago, ante os nossos olhares assustados… Aí ela enfiava a mão dentro da blusa e puxava para fora um seio lindo, liso e branco… E nós, meninos, de boca aberta… E ela logo pegava o seu nenenzinho e o punha para mamar…

Luz

…as lâmpadas e as inteligências valem pelas cenas que iluminam…

Veja também:

VEJA SHOW DE IMAGENS AO SOM DE ELIS

FELIZ NATAL

DEUS É FIEL?

VIDA INCOMPLETA DOS BEATLES (é só clicar)

O VALIOSO TEMPO DOS MADUROS

A MOÇA DAS FLORES

JURANDY DO SAX, O BOLERO DE RAVEL E A TERRA DA FELICIDADE

A VIAGEM

HISTÓRIA DA BONDADE: PROFESSOR CID TEIXEIRA

Anúncios
Esse post foi publicado em oxigênio. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s